Petrolina

Petrolina é uma cidade do interior de Pernambuco, na divisa com a Bahia, e é conhecida como a capital das uvas, das frutas e do rio São Francisco! Pra quem quer conhecer uma cidade do interior nordestino, esta é uma das que mais tem atividades e estrutura a oferecer. Tive apenas um final de semana lá, mas foi o suficiente para conhecer as principais atrações turísticas.

Quando pensamos no sertão nordestino é a seca, o sol forte, os cactos e bodes que vem à cabeça. Mas na região do Vale do São Francisco, onde o rio São Francisco corre nas divisas dos estados de Pernambuco e Bahia, fica uma famosa Rota do Vinho. São 7 vinícolas instaladas na região, que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado mundial.

No sábado, atravessamos a fronteira com a Bahia e fomos conhecer a Vinícola Ouro Verde do grupo Miolo. Lá são 220 hectares de uvas plantadas e eles recebem cerca de 2 mil visitantes por mês. Fizemos um tour pelas máquinas com a guia explicando todo o processo de produção de brandy, vinho tinto, branco e espumante. Depois fizemos a degustação das bebidas. Foi ótimo! O passeio durou cerca de 2h. Na saída, nós paramos de carro pra ver os parreirais. É preciso agendar o tour com antecedência. Site oficial aqui.

DCIM103GOPRO
Parreirais da vinícola

Vinícola Ouro Verde

Outras vinícolas que podem ser visitadas na região são:

1.Vinícola do Vale do São Francisco – Botticelli. A pioneira na região.  Site:www.botticelli.com.br

2. Vitivinícola Santa Maria – Rio Sol.  A maior vinícola de Pernambuco.  Site:www.vinibrasil.com.br

3. Vinícola Terroir do São Francisco – Garzieira. Primeira a receber turistas. Site:www.vinhogarziera.com.br

4. Châteu Duccos. 124 hectares ao todo. Telefones: (87) 3985-1010 / (87) 3985-1006

De lá, nós fomos conhecer a Fazenda GrandValle. Fizemos degustação de mangas e uvas. Compramos uma caixa com 14 mangas sem fiapo por 10 reais. Melhores mangas da minha vida! Muito boas e baratas. Todas as pessoas visitando a fazenda saíam com uma caixa de frutas no mínimo! Site oficial aqui.

Depois fizemos uma parada pra conhecer a Barragem de Sobradinho. Paramos no ponto onde tem a eclusa, que permite às embarcações vencer o desnível de pouco mais de 30 metros causado pela barragem, garantindo a navegação no Rio São Francisco.

DCIM103GOPRODCIM103GOPRO

Barragem de Sobradinho

Fomos almoçar no Bodódromo, um centro gastronômico especializado em bode, prato típico do local. Mas também oferece outros pratos, como frutos do mar e carne de sol. Gostei da carne de bode, com um sabor forte, uma carne bem passada. Mas não são todas as pessoas que gostam! No nosso grupo de seis, dois não gostaram. Eu como de tudo de modo geral (com exceção de bife de fígado e sarapatel), então pra mim foi tranquilo! Mas não troco pela carne de boi, nem pensar! Foi bom pra experimentar!

IMG_5656
Bodódromo

Depois do almoço passeamos pela cidade, por suas lojinhas de artesanato, que é forte na região, com destaque para o trabalho da artesã Ana das Carrancas, que espalhou suas carrancas pela cidade.

dsc03189
Um pouquinho da cidade de Petrolina

Visitamos a Catedral do Sagrado Coração de Jesus, em estilo gótico, cheia de vitrais franceses e inaugurada em 1929. Impressionante!

Os 5 pontos turísticos acima nós fizemos com a agência de turismo Raphatur. Fechamos uma van pra 6 pessoas por 140 reais pra cada um. Contato: (87) 98807 8108 / 3862 0420 / 99909 0464 – atendimentorafhatur@hotmail.co

O pôr do sol foi lindo! Pegamos um barco e navegamos de 17h às 19h pelo rio São Francisco. O barco tinha música ao vivo e oferecia duas taças de espumante pra um brinde ao pôr do sol.  35 reais por pessoa. Fechamos com a agência Opção Turismo. Eu adorei!

DSC03247

IMG_5694
Pôr do sol no rio São Francisco

No domingo, fomos conhecer a “praia de rio” aqui de Petrolina,  o Balneário Rodeadouro. Um dos maiores e mais frequentados balneários do rio São Francisco, fica entre as cidades de Petrolina e Juazeiro (BA). Fomos de táxi do hotel até um pedaço, depois pegamos uma balsa por 4 reais pra nos levar até a Ilha do Rodeadouro (esse transporte funciona 24h). Chegamos 8h, demos um mergulho, curtimos o lugar e 11h fomos embora. Em torno de 11h o balneário começou a ficar muito cheio, era um domingo. Se assim como eu, você não gosta de lugares lotados, aconselho chegar cedo mesmo pra aproveitar enquanto está sossegado ou ir durante a semana pra lá.

DCIM103GOPRO

DCIM103GOPRO
Balneário Rodeadouro – mergulho no Velho Chico

Depois de curtir o balneário, fomos almoçar no restaurante Flor de Mandacaru. O ambiente é muito charmoso, bem decorado, uma graça! Comida muito boa também!

Restaurante Flor de Mandacaru

Hospedagem: Ficamos no Quality Hotel, um hotel 4 estrelas, bom e bem localizado. De frente pro rio São Francisco com restaurantes por perto (250 reais a diária).

Como chegar? Em Petrolina tem um pequeno aeroporto, com voos vindo de Recife, Campinas, SP e Salvador. Nós pegamos um voo saindo de Recife e em 50 minutos chegamos no aeroporto de Petrolina.

É isso ai pessoal!

Qualquer dúvida é só falar!

Beijoca,

Pri

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s