Costa do Cacau

A Costa do Cacau corresponde aos 180 km de litoral entre os municípios de Canavieiras e Itacaré na Bahia.  São dezenas de praias, mangues, rios e fazendas de cacau para se explorar, numa viagem que pode render vários dias. Eu só pude desfrutar cinco dias nesse lugar, que me deixou um gostinho de quero mais!

Comecei por Ilhéus, a “capital” da Costa do Cacau. Também conhecida por São Jorge dos Ilhéus em homenagem ao santo padroeiro e ao escritor Jorge Amado, que tornou a cidade conhecida internacionalmente com seus livros, como Gabriela, cravo e canelaCacauTerras do Sem FimSão Jorge dos Ilhéus e Tocaia Grande. A cidade tem um centro histórico que mistura construções antigas e construções mais recentes.

A Catedral São Sebastião e o famoso bar Vesúvio ficam bem próximos, na praça Dom Eduardo. A Catedral ficou pronta em 1967 e é majestosa com seus 47 metros de altura. O bar Vesúvio ganhou fama em 1958 com o romance “Gabriela, cravo e canela” de Jorge Amado. O bar foi inaugurado em 1909 por dois italianos e teve outros proprietários, até que em 1945 foi comprado por Emílio Maron, descendente de libaneses. Dizem que Emílio Maron inspirou o personagem Nacib e sua esposa, Maria de Lourdes Maron, inspirou a personagem Gabriela. Mas os filhos do casal não gostam dessa associação e não costumam falar sobre o assunto.  O livro retrata uma época em que o bar era frequentado pelos coronéis da região e hoje é um ponto turístico importante da cidade. A comida é ótima e a variedade de bebidas também (se der, provem o famoso quibe e a caipifruta de seriguela, uma delícia).

IMG_7229.JPG
Praça Dom Eduardo

Catedral São Sebastião

Bar Vesúvio

Logo atrás do bar Vesúvio, do outro lado do quarteirão, fica o famoso Bataclan, construído em 1923. Nos tempos de Jorge Amado, o Bataclan funcionava como cabaré, lugar onde os coronéis iam se divertir, sob o comando de Maria Machadão. Hoje o lugar funciona como restaurante durante o dia e em algumas noites o lugar abre para shows e festas. A decoração remete aos tempos antigos do cabaré. Nos fundos do terreno há uma placa indicando o quarto de Maria Machadão, que continha uma passagem secreta ligando o Bataclan ao bar Vesúvio. Dessa forma, os maridos infiéis diziam às suas mulheres que iam ao bar tratar de negócios, mas na verdade eles iam pro cabaré mesmo. Safados! hahaha

Bataclan

Ali no centro histórico, na Rua Jorge Amado, você encontra o Cine Teatro Ilhéus e a Casa-Museu de Jorge Amado. O Cine Teatro Ilhéus ou Teatro Municipal de Ilhéus é uma das casas de espetáculos mais antigas e tradicionais da Bahia, inaugurada em 1932. A Casa- Museu de Jorge Amado foi construída em 1928 e foi o local onde o escritor passou grande parte de sua infância. É possível fazer uma visita guiada pelo interior da casa, mas infelizmente o museu não abriu no feriado do Dia do Trabalho (01/05) e só pude ver a casa por fora. Mais adiante, fica o Palácio Paranaguá, uma construção em estilo neoclássico que ficou pronta em 1907 e hoje abriga a prefeitura de Ilhéus.

Casa- Museu Jorge Amado, Cine Teatro Ilhéus e Palácio Paranaguá

Além desses pontos turísticos, quem estiver com mais tempo para passear pela cidade pode aproveitar para conhecer:

  • o Mercado de Artesanato, que vende bijuterias, bordados, licores, cachaças, etc.
  • a Igreja Matriz de São Jorge, que também abriga o Museu de Arte Sacra de Ilhéus.
  • o Palacete Misael Tavares, em frente à Igreja Matriz de São Jorge.
  • a fábrica de chocolates Chocolate Caseiro , a primeira do tipo no Nordeste (tem uma linha de chocolates eróticos divertida, como a “Flor de Gabriela”, o “Cacau do Nacib” e o “Pau do Cabral”).  A fábrica fica na rodovia Ilhéus-Uruçuca no Km 2,5 (8 km do centro de Ilhéus).

Mas se estiver sem tempo e ainda sim querendo comprar um chocolate (nada mais justo já que esta é a terra do cacau), ali no centro existe uma loja do Chocolate Caseiro em frente à Igreja de São Sebastião e a loja Cacau do Céu na Av. Soares Lopes 508.

Pra quem for conhecer Ilhéus sem carro, conheci o Roberto, da cia de táxi Show de Bola! Esse é o contato dele: (73) 99836-2233.

Agora, sobre as praias!

Conheci a Praia do Norte em Ilhéus.  Essa é uma praia muito extensa (cerca de 50 km) e tem trechos bem desertos. Fiquei no trecho em frente à minha pousada (Pousada Eden One) e no dia o mar estava com ondas e tinham alguns surfistas na água.

Praia do Norte

Seguindo mais pro norte da Bahia, chegamos ao povoado de Serra Grande no município de Uruçuca. Serra Grande tem 4 praias: Sargi, Pé de Serra, Prainha e Pompilho. Só conheci as duas primeiras. Para acessar a Prainha e a praia do Pompilho, é necessário fazer trilhas de cerca de 20 minutos (a do Pompilho é uma trilha íngreme e difícil). A Prainha apresenta uma pequena queda de água doce, é cercada por recifes e na maré baixa formam-se as piscinas naturais. Já a praia do Pompilho é marcada pela lagoa próxima ao mar.

A praia de Sargi é bonita, possui 4,5 km de extensão, com muitos trechos desertos e nela deságua o rio Sargi. Pra quem quer estrutura, o Restaurante Paraíso é uma boa opção pra passar o dia (tem estacionamento). Fiquei por ali e comi o camarão empanado com macaxeira, delícia! Além do restaurante, o lugar oferece passeios a pé ou de bicicleta por trilhas na Mata Atlântica.

Praia de Sargi

A praia de Pé de Serra fica logo depois da praia do Sargi e também é linda! Ficamos num quiosque do restaurante Cabana (tem estacionamento).

Praia Pé de Serra

Logo depois da praia de Pé de Serra fica o Mirante de Serra Grande I, com uma bela vista das praias do Sargi e Pé de Serra. Tem também um segundo mirante de Serra Grande, mas não tive tempo de conhecer.

Mirante de Serra Grande I

Mais ao norte, chegamos em Itacaré. Por ali são 14 praias paradisíacas. Só pude conhecer a praia de Itacarezinho, que é linda!  São 3,5 km de areia fofa, coqueirais e boas ondas para surfar. Na ponta norte da praia, tem uma pequena cascata natural de água doce, bom pra tirar o sal depois do mergulho no mar. O acesso pode ser feito por trilha, a mesma que liga Itacarezinho, Camboinha, Havaizinho e Engenhoca, ou de carro através de uma propriedade particular. Se optar por ir de carro,  é preciso pagar 30 reais por carro/10 reais por moto para estacionar. Na praia, você tem duas opções de estrutura à beira mar, o restaurante Itacarezinho e um bar. Fiquei no restaurante por 50 reais revertidos em consumo. Comi o camarão provençal e tomei uma caipi de tangerina (tudo ótimo mas um pouco caro). Além do restaurante e do bar, tem uma sorveteria super fofa ali perto.

Itacarezinho

Saímos de Itacarezinho e no caminho de volta, em direção a Ilhéus, paramos na Cachoeira Tijuípe. A cachoeira fica numa propriedade particular e é preciso pagar 15 reais por pessoa para conhecer. Vale a pena. A entrada pra cachoeira é bem sinalizada, super fácil de achar e o estacionamento é na beira da estrada. Ao entrar na propriedade você caminha um pouquinho, passa por uma ponte, lojinhas de flores e artesanato, e um restaurante, até chegar na cachoeira. Você pode se banhar em alguns trechos antes da queda da cachoeira, bem embaixo da queda d’água, na parte acima da queda da cachoeira (onde alugam caiaques) e numa cachoeirinha menor seguindo mais 400 m de trilha. É bem relaxante e bonito o lugar!

Cachoeira Tijuípe

Quem estiver com mais tempo, pode aproveitar pra conhecer:

  • As outras duas praias de Serra Grande (Prainha e Pompilho – trilhas de aproximadamente 20 minutos).
  • A Lagoa Encantada (com 6,4 km2 de espelho d’água, cercada por mata nativa e fazendas, dentro da Área de Proteção Ambiental e eternizada pelo poeta Cyro de Mattos).
  • Visitar as antigas fazendas de cacau (destaque para a Fazendo Yrerê e Fazenda Provisão).
  • Passeio de barco pelo Rio de Engenho (o povoado de Rio de Engenho, com suas construções anteriores ao ano de 1550, foi tombado pelo IPHAN. Uma maneira de conhecer a região é através de passeios de barco pelas belas paisagens de Ilhéus, além de fauna e flora típicas do mangue. Os roteiros incluem trilhas, visitas a fazendas da região e restaurantes com comidas tradicionais. Tel: 73 9135-1571).
  • As outras 13 praias de Itacaré (Havaizinho, Camboinha, Engenhoca, Concha, Coroinha, Costa, Jeribucaçú, Pontal, Prainha, Resende, Ribeira, São José, Tiririca e Siriaco).

Em relação a restaurantes e bares, além do Vesúvio e do Bataclan (só consumi bebidas, então não sei dizer se a comida é boa, mas é uma visita obrigatória), outro lugar imperdível é o restaurante Cabana da Empada. A empada é realmente ótima, mas a comida é de comer de olhos fechados! O restaurante funciona de 11h às 17h e a lanchonete de 11h às 18h. Almocei o Camarão Tropical (camarão servido no abacaxi, temperado com curry, acompanhado de arroz de leite de coco) com suco de cacau e capim santo. Uma delícia! O prato deu pra 3 pessoas que antes comeram o couvert e uma empada de camarão de entrada.

Cabana da Empada

Pra comer uma boa pizza, feita no forno à lenha e de massa fina, vá na Pizza na Praça, na Praça Pedro Gomes, em Serra Grande. Outra dica é o bar/restaurante Barrakitica no centro de Ilhéus. Fui de noite curtir uma música ao vivo. Lá eles também servem refeições no almoço, me recomendaram a carne de sol.

Pizza na Praça e Barrakitica

Sobre as hospedagens, eu fiquei na Pousada Eden One, na praia do Norte em Ilhéus. A pousada é simples, sem nenhum luxo, não é tão limpinha quanto eu gostaria, mas ok. Tem um bom café da manhã, de frente pro mar, com piscina… Outras opções ali perto são a Pousada Morro dos Navegantes (restaurante famoso) na praia de Cururupe em Ilhéus e a Canto do Mar Hostel e Pousada na praia de Pé de Serra em Serra Grande.

Pousada Eden One e Canto do Mar Hostel e Pousada

Dicas gerais:

  • Alugue um carro já no aeroporto de Ilhéus pra facilitar a logística da viagem (tem as locadoras Movida e Localiza no aeroporto). Aluguei na Movida e os 5 dias ficaram por 300 reais + 150 reais de gasolina. Acredito que saia bem mais barato alugar o carro do que fazer todos esses passeios com uma agência de turismo, sem contar a liberdade de fazer seus próprios horários.
  • Leve repelente! No fim da tarde os mosquitos costumam atacar. E um casaquinho pra de noite também.

Qualquer dúvida, só perguntar!

Beijos,

Pri

 

 

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s